sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Aldeia de Deus - Tchehunda tcha Nzambi

Poderia começar esta história daquela forma clichet: “Há muito…muito tempo havia….” Mas não seria verdade! Há muito tempo havia, mas hoje em dia ainda existe essa Aldeia: A Aldeia de Deus! Que na minha língua se chama: Tchehunda Tcha Nzambi! Pois é a Aldeia de Deus que eu desde miúda ouvia os mais velhos falar, é a Aldeia onde vivo desde que morri! Pois é! Eu morri há muitos anos atrás. Não quero dizer quem fui! Não interessa! Sei que vivi na altura do Império Lunda-Tchokwe, onde se acreditava que o homem ao morrer perde o corpo, mas liberta o espírito (muikua). Mas digamos que eu conquistei o meu lugar na Aldeia de Deus. Aqui só entram pessoas com muxima puena (bom coração). Depois de atravessarmos o umbral em direcção à Aldeia tornamo-nos Anjos protectores e divindades que tentam a todo custo zelar pelo bem-estar dos humanos; Enfim, estamos na sexta dimensão, apenas acessível aos homens com sexto sentido apurado e desenvolvido; somos os antepassados destinados a proteger o futuro das gerações vindouras; Embora não precise de casa como qualquer anjo tenho um sítio a que chamo de lar. Neste caso a minha residência é em Tchehunda tcha Nzambi no Leste de Angola. Uma aldeia perdida no cimo de uma montanha na fronteira entre o Congo e Angola. Uma montanha onde o nevoeiro é constante à entrada, mas que se reduz à medida em que subimos em direcção ao centro da aldeia. No coração da aldeia a nitidez é ofuscante. As plantas e as flores brilham intensamente. É possível sentir os cheiros com uma intensidade avassaladora. Digamos que eu moro no monte das madressilvas e das glicínias. Pode-se dizer que no meu jardim as borboletas e as fadas abundam! Um paraíso na Terra! No jardim ao lado, proliferam as orquídeas selvagens e as papoilas. Os seus tons alaranjados contrastam com o meu jardim arroxeado. A Aldeia de Deus é um jardim encantado acessível a quem o procura com determinação.

"Excerto do Livro Aldeia de Deus de Lueji Dharma"

4 comentários:

  1. E voltei porque quero saber como é essa aldeia de Deus..
    um beijo

    ResponderExcluir
  2. Faça-mos da nossa vida aldeia de Deus, casa favorita, para que o Senhor venha fazer sua morada dentro de nós.
    Faça-me uma visita.
    http://zionnation.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oizinho, vim visitar seu blog, vou vir sempre posso? venha me visitr no meu cantinho da harmonia quando quizer te espero!
    com carinho Hana

    ResponderExcluir